Video Porno Caseiro Mulher Do Corno Muito Gostosa Sofrendo No Anal Com O Caseiro De Nova Friburgo – Rj

9 min

Categoria:

Tag:

visualizações

9 min

Categoria:

Tag:

Video Porno Caseiro Mulher Do Corno Muito Gostosa Sofrendo No Anal Com O Caseiro De Nova Friburgo – Rj

Video Porno Caseiro Mulher Do Corno Muito Gostosa Sofrendo No Anal Com O Caseiro De Nova Friburgo – Rj

Vou contar pra vcs o que aconteceu…Como de costume aos finais de semana vou para meu sítio, pois adoro contato a natureza, banho de cachoeira, piscinas e fico extremamente a vontade no meu sítio uma vez que tenho bastante privacidade, lá tem apenas o caseiro que é casado e tem um filho, o caseiro sempre vejo mas a esposa e o filho raramente. Sempre que estou lá o Carlos (o caseiro que tem uns 45 anos também) gosta de ficar conversando e me passando as coisas do sítio, o que ele fez e o que ainda precisa fazer, etc. -A minha caçulinha tá me rejeitando?-Ah pai o senhor é corno, sabe como é ser rejeitado né… – Isa ria demais, fazendo seu pai rir também. Por mais desapontado que eu estava, havia ficado feliz em saber que esse tal vídeo não estava nas mãos de nem um safado. Ele pediu algumas bebidas, colocou um filme pornô e começou a fazer uma massagem em mim, quando menos espere ele estava chupando a minha buceta lisinha.

Dei uma camisinha para ele, passei muito KY no rabinho dela porque não quero ver ela sofrendo e liberei para Claudio a enrabar, que o fez por uma 10 minutos, pedi para não gozar porque ela gosta de tudo na cara.

A tia dela veio se desculpar pelo incomodo e tudo mais, só que o padre não se importava em ajudar a gostosa da sobrinha dela. ela estava de vestido e já tinha tirado a calcinha , se encostou na lateral do carro , abriu as pernas e caí de língua na Buceta que estava totalmente raspadinha e toda melada , ela começou a gemer pedindo para que não parasse de chupar até que ela gozou , mais gozou muito mesmo ,peguei uns lenços de papel e nos limpamos , seguimos viagem e ela falando que ainda queria gozar hoje outras vezes , paramos na subida da Serra e comemos um pão com linguiça e café , chegando em Friburgo , fomos direto para o Hotel que já tinha reservado no Centro da Cidade , deixei ela lá e fui fazer o Serviço , almoçamos juntos , ela ficou passeando pela cidade e quando foi umas 16:00 , fui para o Hotel e ao chegar no quarto ela estava vendo tv totalmente nua , encostada no travesseiro na cabeceira da cama de pernas abertas com aquela visão maravilhosa da Buceta raspadinha dela , fui ao banheiro tomei um banho e voltei de pau duro , ela sentou na beira da cama e começou a mamar minha pica , coloquei um dos pés em cima da cama , segurei a cabeça dela e fiquei ajudando ela e mamar meu pau com aquela língua maliciosa dela , ela me deixava louco , pedi a ela para ficar de quatro , ela ficou de quatro com aquela bunda maravilhosa querendo ser fodida , então botei primeiro na buceta , enquanto metia o dedo no cuzinho dela para facilitar a penetração , ficamos assim por uns 2 minutos , tirei da buceta e coloquei a cabeça bem devagar no cuzinho apertadinho da minha cunhada , fui empurrando devagar até enterrar tudo , ela gemia e falava mete tudo , eu sou gulosa quero ele todinho no meu cuzinho , enquanto eu enterrava a pica no cuzinho dela , ela tocava uma siririca , gozamos praticamente juntos , tomamos um banho , fomos na cidade comer alguma coisa e 2 horas depois voltamos para o HOTEL , caímos na cama e metemos por quase uma hora , agora só na Buceta , acabamos de foder , eu estava com meu pau quase esfolando e ela com a Buceta toda ardida , foi uma das melhores trepadas que já dei , estou até de pau duro lembrando desse dia maravilhoso com a companhia da minha cunhada rsrs ….

Pois então ela se virou tirando o pau do seu cu e escolheu o do meio, olha o meu é grosso mais aquilo era um pé de mesa, e ele socou tudo na boceta de uma só vez e com um pau em cada mão, o cara do outro lado do tapume socou com tudo porque pensei que ele dia derrubar o cubículo todo e esta mulher gemia dizendo que era o maior pau que ela engoliu, eu até sentei e fiquei olhando a cena, depois de um tempo o cara gozou e ela atacou o outro enfiando o pau na boceta ou no cu não dava para eu saber, tinha umas toalhinhas de papel e fiquei limpando meu pau e passando um gel de limpeza intima que tinha lá dentro e ela fudendo, pelas minhas contas ela tinha metido já com uns sete paus (todos devidamente encamisados) e eu enfiei o pau na boca dela e ela começou a chupar até eu gozar na boca dela mais uns dois ou três comeram ela.

Fomos direto para cama chupei toda a bucetinha dela, o tesão era muito e ela me contava como tinha sido.