Quicando no meu pau gostoso

2 min

Categoria:

Tag: , ,

visualizações

2 min

Categoria:

Tag: , ,

Quicando no meu pau gostoso

Quicando no meu pau gostoso

Quando cheguei ele já estava lá, de terno e gravata, cabelo lambido de gel (dispensável) e com um lindo sorriso no rosto… Muito mais bonito ao vivo do que na foto! Não foi propaganda enganosa.

por favor, me pediu meu marido. Depois de me deliciar na buceta e deixar ela limpinha ela então termina a sessão chupando meu pau e me dando um delicioso beijo.

Tá doendo muito; eu acho que não consigo; pelo menos não com você.

Em casa ninguém desconfiou, provas de vestibular são demoradas e não falaram nada, a noite com a conciência pesada dei um trato caprichado na patroa,não queria deixar rastros…Os próximos tres dias foram muito especiais para mim, me achando muito gostoso pensava afinal o que tinha feito para merecer uma novinha assim, uma coisinha tão gostosa. Volto pro proximo conto!Me digam o que estao achando dos contos e me mandem mensagens, quero conhecer voces!!! Só homens por favor!!! Obrigada beijos no pau de vocês!"Deitei na cama e fiz a safada cavalgar em mim, o que ela fez muito bem, quicando a buda na minha virilha enquanto meu pau entrava e saia daquela buceta.

Segurei ela pelas quatro patas e deitei ela no chão, fiquei em pé e dei ordem para ela continuar deitada, ela ficou ali deitada esperando receber ordens para levantar, mandei ela levantar e em seguida meti o pau cabeçudo nela outra vez, porem com uma pomada ardida que eu não estava aguentando, ela lambia a buceta com meu pau dentro, desesperada por causa da pomada que ardia muito, nem eu estava aguentando!Aí peguei ela pelas patas traseiras e com o cassete dentro dela, fui arrastando ela para a cozinha, e peguei um pano molhado e limpei o meu pau…estava ardendo muito! Mais na buceta da minha cadela eu coloquei mais um pouco de pomada ardida, e pus o meu pau dentro dela, estava pegando fogo ela quis lamber a pomada que lhe incomodava muito,mais não conseguia pois meu pau estava atrapalhando… e em vez em quanto eu deixava ela escapar de mim dentro de casa depois eu encurralava ela pela frente com o pau duro como se fosse uma caçada de gato e rato, foi muito divertido quando ela tentou esconder sua cabeça debaixo da cama;E depois eu lhe dei uns tapão no ouvido e ela logo voltou na sua posição de vitima escrava de sexo. Ela continuou tocando, afinal a mãe poderia estranhar não ouvir nada mal saísse de casa…Passados alguns minutos, ela parou de tocar, virou o corpo para ele.