Putaria Liberada Filha De Pastor Bunduda Exibindo Com Chifrudo – Rj

22 seg

Categoria:

Tag: , , , ,

visualizações

22 seg

Categoria:

Tag: , , , ,

Putaria Liberada Filha De Pastor Bunduda Exibindo Com Chifrudo – Rj

Putaria Liberada Filha De Pastor Bunduda Exibindo Com Chifrudo – Rj

POREM FICAVA DIFICIL J[A QUE ELA GOSTAVA DE MOSTRAR PRINCIPALMENTE OS PEQUENOS SEIOS, POR QUALQUER MOTIVO OU SEM NENHUM SE ABAIXAVA NA MINHA FRENTE E EU VIA AT[E SEU UMBIGO, CERTO DIA EU ME ENCONTRAVA SOZINHO NA CIDADE POIS MINHA MULHER VIAJARA E ELES ME CONVIDARAM PARA FICAR EM SUA CASA, NÁO HOUVE MANEIRA DE ACEITAREM UMA RECUSA E EU TIVE QUE FICAR L[A MINHA MULHER FICARIA 15 DIAS FORA, COMO NO MOMENTO EU NÁO ESTAVA TRABALHANDO O MARIDO SAIA PARA O TRABALHO E EU AINDA FICAVA DORMINDO, DEPOIS PASSAVA O DIA LENDO JORNAL E ASSISTINDO TV E CONVERSANDO COM RAISA ELA SEMPRE SE EXIBINDO, E EU NUNCA FUI NADA DISCRETO, PRINCIPALMENTE QUANDO NOTO QUE NÁO [E POR ACASO, CERTO DIA O VENACIO TELEFONOU DIZENDO QUE NÁO VOLTARIA PARA CASA, POIS TERIA UM SERVI;O EXTRA QUE TERMINARIA MUITO TARDE E FICARIA NO TRABALHO MESMO, COMO NO OUTRO DIA ERA SABADO E ELE NÁO TRABALHAVA VHEGARIA CEDO, FALEI PARA A RAISA QUE IRIA DORMIR EM CASA, POREM ELA ALEGANDO QUE NAÁO FICARIA SOZINHA DE JEITO NENHUM COM MEDO DE ASSALTO MAS UMA VEZ TIVE QUE FICAR, O DIA TRANSCORREU SEM NOVIDADES MAS EU PRESSENTI QUE NÁO TERIA COMO NÁO COMER AQUELA MULHER, A NOITINHA AP[OS O JANTAR EU FALEI PRA ELA QUE IRIA DAR UMA SAIDINHA, E AI EU TIVE CERTEZA DE QUE ELA QUERIA REALMENTE UMA SACANAGEM, NÁO MESMO, LOGO HOJE QUE AQUELE PATIFE INVENTOU ESTE SERVI;O, PENSA QUE NÁO SEI QUE TIPO DE SERVI;O [E, NÁO NASCI ONTEM. -`Peraí, issso não é coisaaa…ah!…Aaaah…Sua louquinha!!!Eu já estava com metade de seu pau dentro da boca lhe sugando com toda vontade que eu estava pra mamar numa verga!! Em qualquer verga!! Mesmo na do chifrudinho de meu marido!! Chifrudo de dois!! De meu irmão e do chefe dele!! Foi Rafer, o chefe, quem gozou pela primeira vez em minha boca!! Ele me ensinou direitinho como ir com minha boquinha até a base de sua imensa rola e deixar a cabeçona da glande se acomodar no fundo de minha garganta, ficar aí sugando o máximo de tempo que minha respiração permitia e depois deslizar meus ovalados lábios de volta até o final da torona e a base da cabeçorra arroxeada, continuando sugando, enquanto minha saliva escorria pela aquela haste de carne endurecida, me lambuzando todo o queixo e as buchechas! E o final que eu mais adorava era quando eu sentia que ele estava próximo de gozar, eu me concentrava na siririquinha que fazia em meu grelinho e sincronizava meu gozo com a mangueirada de esperma em minha boca!-Aiii! Amorzinho…como você faz gostosinho!! Você… nunca… foi aaassiiiiimmm! Aahhh!Aquilo que ele disse me alertou. No dia seguinte, voltei pela manhã para comprar o tal pacote que havia esquecido na noite Anterior, e lá estava a raimunda bunduda com seu marido que era o dono da loja, fiz perguntas, tirei duvidas, e o marido dela ali, sem saber que eu tinha comido o cu de sua esposa a noite toda no dia anterior, fim. minha cunhada mesmo a contra gosto resolveu vir falar comigo pessoalmente, novamente eu a intimei e disse que poderia sim fazer o empréstimo pra ela mas queria uma noite de amor com tudo que tinha direito, muito brava minha cunhada dizia que não podia fazer aquilo com a irmã e que se eu não fosse seu cunhado ela daria pra mim com o maior prazer, aquilo me deixava mais doido ainda saber que ela sentia tesão por mim e não ia dar por causa da irmã, uma puta liberada que já sentiu vários cacetes na buça inclusive do cunhado dela.

Ele abaixou minha calcinha e e tirou ela pelos meus pés- que filha linda que eu tenho. Deu 13:00, voltei seco pra beber e fazer putaria, escuto do portão a risada alta da Sabrina! Penso: ‘Tem visita,uma família ainda!’ Ao entrar e dar oi vejo pela 1ª vez em anos as 3 amigas pondo a fofoca em dia. "– Eu não sabia com quem me aconselhar, mas foi justamente o pastor que me deu a resposta que eu precisava.