Putaria Brasileira Morena Siririqueira Comendo A Safada Para Amigo Da Faculdade De Belo Horizonte – Mg

Putaria Brasileira Morena Siririqueira Comendo A Safada Para Amigo Da Faculdade De Belo Horizonte – Mg

Putaria Brasileira Morena Siririqueira Comendo A Safada Para Amigo Da Faculdade De Belo Horizonte – Mg

Chamei-a de safada e deixei meu corpo cair sobre o dela.

Andréia foi lá e começou a chupar o cuzinho de Tony que fez milagrosamente um 69 comigo me sem se esquecer de limpar o meu rabinho melado com sua própria porra;Desliguei o telefone, era o marido dela, um oficial de alta patente da marinha brasileira, 3 seguranças pessoais e diversas armas para proteção pessoal, típico militar autoritário ciumento e machista, e além de tudo, corno.

Você já transou em algum lugar público, Paty?”– “Não, só em quartos, mesmo…”, respondeu a morena, meio incomodada em demonstrar tanta inocência perto dos outros dois. Não acreditei no que havia acontecido: eu tinha comido minha irmã.

Chamei ele pra piscina e peguei uma cerveja, começamos a conversar e ele percebeu que eu não parava de olhar para o corpo dele (ele é magro, tem um peitoral malhado e um tanquinho de tirar o folego) e começou a olhar pra mim. eu-“triste… obs-sem demostrar” beleza então a gente nunca vamos passar de amigas mesmo"Olá, meu nome é alisson, tenho 19 anos, sai de casa para morar com uma amiga para fazer faculdade.

O nosso amigo que estava ao lado perguntou se ia ficar ali segurando vela, eu respondi que a hora dele ia chegar então tirei minha roupa e mandei os dois ficarem pelados também. Era um fim de tarde, o sol tocava o horizonte e eu tocava as costas cobertas por uma jaqueta que protegiam aquele corpo moreno do frio que abraçava nossos corpos. ) logo a Grazi ficou rodiada por nós e começou a chupar todos os 6, neste momento foi entrando mais pessoas (entre homens e mulheres) e começaram a observar nossa putaria, logo colocamos ela sobre a cama e começamos a penetrar, ela estava louca de tesão com todos olhando, mais alguns homens se aproximaram, enquanto outros casais começaram a se pegar entre outras surubas.

Eu rebolava gostoso e ele fazia o movimento inverso, me comendo como um cachorro no cio.