Grava Um Vídeo Pornô Caseiro Branquinha Apertadinha Encontra Rola Grossa Amigo Da Faculdade Rio De Janeiro – Rj

6 min

Categoria:

Tag: ,

visualizações

6 min

Categoria:

Tag: ,

Grava Um Vídeo Pornô Caseiro Branquinha Apertadinha Encontra Rola Grossa Amigo Da Faculdade Rio De Janeiro – Rj

Grava Um Vídeo Pornô Caseiro Branquinha Apertadinha Encontra Rola Grossa Amigo Da Faculdade Rio De Janeiro – Rj

– Eu tenho apenas uns dois amigos, mas não converso muito com eles. Imobilizando-me com um abraço que era quase uma gravata, ele empurrou o que ainda restava daquele salame nas minhas entranhas. Foi quando ela me chamou e falou que queria um 69 comigo e ele metendo por trás, pois havíamos assistido um vídeo assim e havia adorado aquela posição,Antes de eu terminar a palavra o Carlos me agarrou, me deu um beijo delicioso, abaixou meu vestido, me colocou sentada em uma mesa eu com os seios pra fora ele mamando que nem um louco e a Clara transformada,aquela mulher estava possuída pelo tesão,ela sentou do meu lado, e realmente dirigia toda a cena:Olá a todos os amigos aqui presentes, me chamo Roberto, 25 anos, moro em BH-MG, um cara normal, com 1,78 de altura, 75kg, sem essa de lindo e sensual, um homem simples e comum.

Quando voltei ele estava sintonizado num canal de filme pornô e me perguntou se eu me incomodava.

Comecei a notar os horários da vizinha que trabalhava apenas na parte da manhã pois era professora e na parte da tarde ficava em casa e seu marido saia bem cedo e só voltava muito tarde, pois ia direto para a faculdade do serviço. – Sou fã de um famoso e esss famoso tem um amigo que aproveita , para pegr as fãs do seu amigo , um dia estava na praia meu celular toca , era essa tal amigo dele que e casado e tem um filho , pedindo pda nos se encontra , disse que tudo bem , sai da praia e fui esperar ele no calsadao , logo elle chego nhm carro branco , entrei e fomos nisso enquanto tavamos no carro elle passava suas maos nas minhas pernas e apertava , ja fiquei louca , coloquei minha mao dentro do seu short mds aquele moreno ja tava de pau duru , chegamos na casa dele elle ja me jogo no sofa , tiro calcinha e me chupava , meu deus que lingua que boca eu esfregava minha buceta na cara dele , ele chupava com uma vontade metia a lingua , ele ja nao aguentava mais tiro aquele pau da cueca , enorme e grande e sem dó meteu de uma vez ele comia minha buceta com uma vontade metia dando estocadas forte , joguei ele no sofa e sentava rapido kikando e rebolando tava amando aquele pau me fodendo , ele me comeu por umas 3 horas gozando muito e sempre que vou em santos agente tem que se ver pra poder brincar …. "Olá, meu nome é Rafael, moro no Rio de Janeiro e tenho 20 anos, moro aqui desde criança e com 18 anos comecei a namorar com uma menina chamada Paola, ela tinha 18 anos, morena clara, Cabelos longos até a cintura, peitos grandes, magrinha e uma bundinha empinadinha, Eu era louco pra comer ela, mas ela era virgem, ela me enviava fotos de calcinha, dos peitos dela, e só Estigava, eu não me contentava dela ao menos não pagar um boquete pra mim, ela tinha muito medo, pois usava aparelho, tinha medo de machucar, e só fica a dando beijos no meu pau.

Ela estava de vestidinho e algumas vezes enquanto examinava seus pés via sua calcinha, branquinha de florzinhas, simples mas muito bonita.

""– Ohhhhhh!!! Que pau gostosoooo, primo!! Meteeeee!!! Me fode todinhaaaaa!! – ela gemeu bem gostoso quando minha pica deslizou pra dentro de sua xoxotinha apertadinha e molhadinha. E estava uma delícia, tão bom que não reparei o barulho da porta abrindo, era o caseiro, ele achou que a casa estava vazia e foi vasculhar para chamar a moça para limpar.

Primeiro foi Joaquim, que gozou uma porra farta e grossa e me inundou todo.