Esposa Traindo o Marido Com Dotado Gemendo alto

45 seg

Categoria:

Tag:

visualizações

45 seg

Categoria:

Tag:

Esposa Traindo o Marido Com Dotado Gemendo alto

Esposa Traindo o Marido Com Dotado Gemendo alto

"Tenho uma cunhada, irmã da minha esposa, casada com um amigo meu… que é uma delícia. Nosso relacionamento não era mais de pai e filha, era de marido e mulher, e com isso a relação com a minha mulher foi esfriando, mas íamos levando a vida como dava, tudo piorou quando Luiza começou a trabalhar de dia e a ir para faculdade a noite, com seu dia puxado não tínhamos tanto tempo para nossas transas e com isso ela começou a ter ciúmes da mãe, brigas constantes entre elas deixava o ambiente cada vez pior, e Ana não entendi o motivo da agressividade da nossa filha, mas eu sabia muito bem, e logo as brigas pioraram e eu acabava brigando também e já não agüentava mais essa vida, tomei então a decisão de sair de casa, Ana não ficou tão abalada quanto imaginava, talvez tivesse algum caso que eu não sabia, mas pouco me importava. Anderson perguntou se eles não iam ficar a vontade e eles foram tirando as roupas;ficaram de cuecas e todos olhamos um pro outro;os dois pareciam ser dotados pois tiram um pacote pesado na cueca. Depois de 5 anos de casados começei perceber que minha linda morena e gostosa esposa estava me traindo com alguem, entao ao invez de ficar bravo, fiquei muito exitado e quando transava com ela sempre quando estava comendo perguntava se ela dava pra mais alguem e ela sempre dizia nao e ficava brava, mas um dia quando cheguei em casa mais cedo percebi que ela estava de saida e a segui e vi que ela entrou na casa do vizinho e fui atraz, e pela janela vi o cara com um puta de um cacete duro esperando ela ja deitado na cama, ela chegou e foi direto de boca no pau dele e o fez gozar na boca dela e depois com o pau inda duro pois ela de quatro e meteu na buceta dela fazendo ela gozar rapidinho e urrando feito uma puta, acabado a transa ela se vestiu rapindinho e deixando o cara na cama mesmo, saiu e foi correndo para casa eu fui para casa sem ela perceber nada e quando la cheguei peguei ela na cozinha começando a fazer janta e agarrei-a por traz e a levei para a cama, ela assustada porque nuca tinha feito isso me perguntou o que estava acontecendo eu respondi : Adoro buceta arrombada, quero chupar essa buceta arrombada e cheia de porra, me dá, me dá, abri as pernas dela e senti o cheiro de porra do meu vizinho, meti a boca e chupei, chupei como nunca, e dizia “ aí que buceta gostosa amor, que delicia, quero chupar sempre essa buceta assim, cheia de porra, ai tea amo meu amor, sua puta gostosa, te amo. Ela cruzou as pernas nas minhas costas e ficou gemendo a cada estocada que eu dava.