Deitado Na Cama Vendo Os Vídeos De Ester Tigresa Tocando Aquela Bronha Mas Não Imaginava Que Ela Ia Chegar Ali No Quarto E Dá A Buceta Para Ele

Deitado Na Cama Vendo Os Vídeos De Ester Tigresa Tocando Aquela Bronha Mas Não Imaginava Que Ela Ia Chegar Ali No Quarto E Dá A Buceta Para Ele

Deitado Na Cama Vendo Os Vídeos De Ester Tigresa Tocando Aquela Bronha Mas Não Imaginava Que Ela Ia Chegar Ali No Quarto E Dá A Buceta Para Ele

Percebi aquela atitude e, em vez de ficar puto da vida, pelo contrário, fiquei com muito tesão de ver a minha esposa sendo encoxada por aquele garanhão.

A sala era extremamente clara, estéril, perfeitamente organizada. Enfiou o rosto por baixo da saia e sugou sua buceta como se fosse engolir, arrancando dela um suspiro forte, de puro tesão e surpresa. fiquei ainda um tempo deitado, imóvel, me recuperando. O professor, como sempre, não havia saído de seu quarto.

morrendo de vontade de gozar, me achando a soberana na boca dele que estava lá só pra me servir!-AAAAAAAAAAAAAHHHHHHHHHHHHH, NÃO FAZ ISSO COMIGO PRETO SUJO, NÃO METE ESSA PICA GIGANTE NA MINHA BUCETA, MEU MARIDO NÃO DEIXA… MEU MARIDO VAI ME BATER POR QUE TÁ ME VENDO DAR PRO NEGÃO.

O Carlos disse só não sei se ele ve vídeos de mulher ou de homem patrão. E ele respondeu dizendo que foi um prazer,que tinha adorado meu pauzão,disse que gostaria de chupar ele todinho,mesmo eu não sendo gay pois ele já havia feito isso em vários caras héteros,falou que sentia prazer em ver os machos gozando e sentindo prazer e eu disse que gostava mesmo de mulher mas também curtia bater uma bronha sozinho,que deixei ele brincar com meu pau porque insistiu. Vendo o gozo do amigo, o negão se animou e passou a meter com mais violência, estocando com força.

Há quanto tempo imaginavam meus peitos em suas bocas? Chupavam e passavam suas deliciosas línguas com voracidade. Ela voltou a sorrir e a exibir um rosto de tigresa, como se de uma forma enigmática se estivesse a divertir com a minha atrapalhação.

Chegaram com um bolo, confete, serpentina, balões, parecia que ia ser um baile de carnaval, só faltavam as fantasias…E, como sempre, tudo começava de forma ordeira e tradicional, colocavam velinhas acesas no bolo, cantavam “parabéns pra você”, exigiam que ele fizesse um pedido e aí deixavam ele soprar as velas.