Comendo A Loira Universitaria Gostosa

visualizações

16 min

Categoria:

Tag: , , , , , , , , , , , , , , ,

Comendo A Loira Universitaria Gostosa

Comendo A Loira Universitaria Gostosa

Gostosa né? Vai lá, chupa ela. Eu estava novamente deitado no chão quando o oficial segurou meus culhões com força e puxou pra cima e, enquanto eu gritava feito um louco, ele disse: seu filho da puta, nós estamos aqui há 4 dias tomando conta dessa estradinha de merda, comendo mal, dormindo mal, esperando que os caras lá de cima lembrem de mandar a gente pra outro lugar, estamos sem fuder a 4 dias e vem um filho da puta que nem você fazendo merda na estrada e ainda chama a gente de viado e tenta subornar a gente !!!??????……… eu vou te mostrar quem é viado aqui seu puto!!…. ela se trocava no quarto coma porta aberta, e quando ele passava acabava vendo ela se de sutiã.

Fui de ônibus e recebi um voucher de uma empresa de táxi pra ir da rodoviária até o hotel. Ali sim nos beijamos mesmo pela primeira vez. ai se sentaram a mesa pra comer , e depois foi pra sala e se sentou no sofá.

(escrito por Kaplan)Daniel : agora vai, quero ver vc gemer no meu pau… Não adianta reclamar que eu não vou parar…[Mas acho que foi uma decisão acertada, principalmente depois da bomba que explodiu no outro dia, onde para minha surpresa e decepção, soube que Ewerton havia disparado sua “metralhadora giratória”, envolto em raiva ele atirou em Caio, e acabou acertando em mim, ao insinuar um caso dele comigo]. Tomara que ele esteja mesmo interessado como ele aparentou.

Eu ja nao aguentava mais , e pedi pra ele meter. "Nilce era uma universitária de 23 anos, bonita, corpo bonito também, e muito ousada.

Depois, comi uma linda loira, de seios enormes, bunda gostosa e com um pinto pequeno.

Ele entao falou: pede porra! eu quero que voce peça! pede porra seu puto! entao eu comecei a implorar pela gozada, que veio logo em seguida, melando meu rosto inteiro.

Meus quadris começam a investir contra o corpo dela, esfregando meu pau nas pernas dela, minhas mãos descem ao vestido dela, o qual eu abro sem esforço descendo um pequeno zíper. Esperei ela entrar no box e dei a desculpa que precisava ir ao banheiro.