Amigas Lésbicas No Elevador Se Beijando E Querendo Se Fuder

90 seg

Categoria:

Tag: ,

visualizações

90 seg

Categoria:

Tag: ,

Amigas Lésbicas No Elevador Se Beijando E Querendo Se Fuder

Amigas Lésbicas No Elevador Se Beijando E Querendo Se Fuder

ela sentiu o jato que rola soltou.

conversamos bastante ate que quando ela foi embora pedi um abraço, logico sob o pretexto estava querendo beijar aquela boca sexy, para minha segunda surpresa ela se esquivou, convidei ela para ir fazermos uma caminhada outro dia na forma de desculpa por tentar atacar ela, ela concordou e mais tarde me disse q ficou interessada no beijo que recusou, esperei ansioso afinal fiquei o tempo todo sendo picante com ela e com isso me provocava tesão no processo, naquele dia a noite apos andar um pouco em torno de um lago aqui na cidade procurei o local mais discreto para tentar novamente agarra-LA, foi onde percebi o perigo pois ela era comprometida, mas nao tava dando muita bola para seu namorado, andamos um pouco e puxei ela para min dando um caprichado beijo afinal sabia que ela tava timida mais queria aquilo….

Chegando nas escadas do prédio, que tinha elevadores e por isso estavam vazias, ela me indagou, “então você quer me beijar?”.

Se eu souber, que ninguém mais saiba!"Bom, nao sou muito de escrever, porem vou passar a vcs os acontecimentos da minha vida haha, emfim bora la… Sou marombha ( nome ficticio), sou meio psicopata por sexo, tarado ao extremo, tenho várias amigas e várias garotas que me relaciono sexualmente e tudo mais, e o que irei descrever hj é o que aconteceu alguns dias atraz, lá estava eu em casa tediado, após uma semana de academia e trabalho lavei minha barca (carro), passei no mercado peguei algumas latas de red bull que por sinal é meu vicio, botei gelar.

rnTomamos banho e logo estávamos nos abraçando e beijando novamente com tesão e ficamos ?brincando? o resto da tarde naquele quarto.

Eu que sempre tive uma vida sexual muito ativa e tinha como fantasia pegar duas lésbicas ao mesmo tempo. O padre respondeu com a voz meio tremula dizendo sim.

Eu já não estava aguentando mais e estava querendo gozar, porem a minha vontade de comer ela era enorme.

Envergonhado Fernando perguntou:– Carol, se preferir ou se sentir mais a vontade eu posso dormir virado pra ponta da cama.

Vendo minha reação, ele falou: você disse que não gostava e geme desse jeito? Vou comer seu cu é hoje… Nessa hora, ele me colocou de quatro, vestiu uma camisinha… voltou a me fuder com sua língua deixando meu rego bem molhadinho enquanto se matava numa punheta.